Sertanejo foi o gênero musical mais tocado em 2016

Clipe da música "50 reais", Naiara Azevedo com participação de Maiara e Maraisa (Foto: Reprodução/YouTube)
Clipe da música “50 reais”, Naiara Azevedo com participação de Maiara e Maraisa (Foto: Reprodução/YouTube)

O ritmo sertanejo embalou os brasileiros em 2016. De acordo com os dados da Crowley, que mede execuções em rádios, 18 das 20 músicas mais tocadas entre janeiro e novembro são do gênero. A música que ficou na liderança do ranking foi “Seu polícia”, da dupla Zé Neto e Cristiano.

O sertanejo universitário feminino, com Maiara e Maraísa, Marília Mendonça, Simone & Simaria e Naiara Azevedo, ganhou espaço com suas letras cheias de “sofrência”. “Infiel”, principal canção de Marília, foi a segunda música mais executada nas rádios brasileiras, segundo os dados da Crowley.

Maiara e Maraísa emplacaram algumas músicas entre as mais tocadas, como “Medo bobo”, ficando em sexto nas rádios, e “10%” que acabou em 16º no levantamento da Crowley. O hit “50 reais”, que reúne Naiara Azevedo e Maiara & Maraísa, conquistou a 11ª posição geral nas rádios do país e teve seu clipe na terceira posição dos mais vistos em 2016 no YouTube.

Segundo dados do Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad) sobre execuções em shows, 17 das 20 canções mais tocadas no ano são sertanejas, lideradas por “Aquele 1%”, de Marcos & Belutti, com participação de Wesley Safadão.

Além do sertanejo, a cantora Anitta fez sucesso em 2016. A artista brilhou nos dois serviços de streaming mais utilizados pelo brasileiro (Spotify e Deezer). No YouTube, o clipe de “Essa mina é louca”, com participação de Jhama, obteve 143 milhões de visualizações, ocupando a quarta posição. E o hit “Bang” aparece entre as mais executadas em shows na 27ª posição, segundo o Ecad.

O funk perdeu força nas rádios, entre as 100 mais executadas nas emissoras nenhuma é do gênero musical, segundo a Crowley. Em compensação, três dos dez clipes mais visualizados no ano no YouTube são de funk: “Bumbum granada”, com 204 milhões de visualizações, “Cheia de marra”, com 158 milhões e “Malandramente”, com 72 milhões.

Alguns musicos da Nova MPB também conquistaram projeção nacional, como o cantor e compositor Tiago Iorc puxado pelo sucesso “Amei te ver”.

Confira lista de músicas que bombaram em 2016

“50 reais”. Naiara Azevedo (participação de Maiara & Maraísa).

“10%”. Maiara & Maraísa.

“O nosso santo bateu”. Matheus & Kauan.

“Sosseguei”. Jorge & Mateus.

“Seu polícia”. Zé Neto & Cristiano.

“Infiel”. Marília Mendonça.

“Como é que a gente fica”. Henrique & Juliano.

“Eu, você, o mar e ela”. Luan Santana.

“Meu violão e o nosso cachorro”. Simone & Simaria.

“Malandramente”. Dennis (part. Nandinho & Nego Bam).

“Bumbum Granada”. MCs Zaac & Jerry.

“Romântico anônimo”. Marcos & Belutti (part. Fernando Zor).

“Paredão Metralhadora”. Vingadora.

“Essa mina é louca”. Anitta (part. Jhama).

“Cheia de Marra”. MC Livinho.

“Amei te ver”. Tiago Iorc.

“Aquele 1%”. Marcos & Belutti (part. Wesley Safadão).

(Com informações do O GLOBO)

Veja também: 

Walber Freitas

Sobre Walber Freitas

Jornalista em formação. Trabalha no portal O POVO Online. 3 anos de carreira no Rádio e TV. Redes Sociais: Facebook.com/walberdefreitas; Instagram: @walberfreitasoficial; Snap: walberdefreitas; Twitter: @walberfreitas10; E-mail: walberdefreitas1@gmail.com.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *