“Praça Portugal” é mais uma vez o grande destaque do Natal em Fortaleza

A Praça Portugal está mais uma vez em destaque na decoração de Natal de Fortaleza

Como acontece todos os anos nesta época, Fortaleza prepara-se para mostrar os preparativos da Grande Festa e a decoração da cidade, em que a Praça Portugal ganha destaque em seu espaço com a árvore monumental feita de redes brancas e recebe todo uma iluminação especial.

A intenção é valorizar a cultura do nosso Estado com a utilização da rede
como elemento decorativo. No mesmo espaço ainda serão colocados cerca de 500 mil mini-lâmpadas e que “Portugal Sem Passaporte” antecipa a seus leitores mostrando-les a imagem da Praça Portugal em primeira mão, uma imagem belissima de autoria do dr. Francisco Brandão, vice-consul de Portugal em Fortaleza

Além da Praça Portugal, serão contemplados ainda com as decorações natalinas os seguintes logradouros: Praça do Ferreira, Praça Murilo Borges, Palácio da Abolição, Sede da CDL de Fortaleza, Sede da FIEC, Aterro e calçadões do Centro.

O Ceará Natal de Luz é uma realização da Câmara de Dirigentes Lojistas de
Fortaleza, Instituto CDL de Cultura e Responsabilidade Social, Governo do
Estado do Ceará, através da Secretaria da Cultura, Prefeitura Municipal de
Fortaleza.

Graciano Coutinho - Jornalista

Sobre Graciano Coutinho - Jornalista

A comunicação é a arma mais poderosa do nosso tempo, formando um triangulo ideal-mental, em cujo ápice se encontram os três veículos principais da informação, da mensagem e da mobilização de massas: o Jornal, a Rádio e a Televisão. Na base, o Livro, o Cinema e o Teatro, estes três últimos, porém, com muito menor raio de ação e com reflexos não instantâneos na massa amorfa das multidões, sobre cuja sensibilidade atua mais com o “imediato” da noticia e da informação, que o complexo elaborado dos outros instrumentos intelectuais de expressão e de comunicação. ................................................ Essas considerações, de caráter filosófico, aliás, primário, vêm a propósito de um português que se tem destacado na Colônia e nos meios luso-brasileiros por uma atividade constante no jornalismo, na radiofonia e com incidência também na televisão, sempre dando caráter construtivo à sua missão de critica não apaixonada, de informação correta, na ação não divisionária, pois seu objetivo profissional tem o duplo sentido de INFORMAR e de UNIR. Graciano Coutinho, tem sido, assim, um elemento de fraternização e integração, pela inteligência, pela sinceridade e, sobretudo, pela veracidade com que informa e serve aos interesses e ideais da Comunidade Portuguesa e da Família Luso-Brasileira. Muitos e bons têm sido os serviços que presta à Comunidade, sem empáfia e sem carisma de nenhuma espécie. Entra por tudo isso neste friso de pedreiros-intelectuais, dedicados à construção de nossa Comunidade de língua Portuguesa. Graciano Coutinho nasceu em Rocas do Vouga, Concelho de Sever do Vouga, Distrito de Aveiro, filho de Maria Antonia Coutinho. É Jornalista profissional. Desde que chegou ao Brasil, em 9 de maio de l959, teve sempre participação ativa no meio jornalistico, social e associativo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>