Feirantes da José Avelino fazem protesto nesta quarta-feira

Feirantes fazem protesto nesta quarta contra a retirada da José Avelino (Foto: Divulgação)

Feirantes da rua José Avelino fazem protesto nesta quarta-feira, 19, contra sua remoção do local, proposta pelo prefeito Roberto Cláudio (PDT). O movimento acontece no mesmo lugar onde fica a feira, a partir das 16 horas, onde os profissionais também vão distribuir cinco mil camisas com a frase: “Eu fico com a José Avelino”.

O feirante Zé Filho, um dos organizadores do ato, argumenta que a retirada da feira “não condiz com os anseios dos trabalhadores, que querem permanecer no local”. “A ideia (do protesto) é mostrar que os feirantes estão organizados, a associação dos galpões também está conosco, estamos sempre abertos ao diálogo, mas a prefeitura não corresponde”, afirma.

As reivindicações dos feirantes, ainda segundo Zé Filho, é a regulamentação e reordenação do local. “Queremos permanecer no local, sermos registrados, pagar até as taxas da prefeitura sem nenhum problema, mas a Prefeitura não aceita diálogo e só diz não pra gente”, acusa.

Serviço
Protesto: “Eu fico com a José Avelino”
Data e horário: Quarta-feira, 19, às 16 horas
Local: Rua José Avelino, Centro

Letícia Alves

Sobre Letícia Alves

Repórter do Núcleo de Conjuntura do jornal O POVO. Política local e nacional, bastidores e reportagens investigativas.
Para sugestão de pautas, entrar em contato pelo e-mail: leticiaalves@opovo.com.br

3 thoughts on “Feirantes da José Avelino fazem protesto nesta quarta-feira

  1. Tem mesmo que acabar com muitos ambulantes de rua que são espaçosos, atrevidos e fraudadores de impostos. Uma manifestação banal e sem nexo, vão para o feirao da Filomeno Gomes e alugem espaços pagos para trabalhar de verdade e liberem as vias e a calçada da catedral. Mal educados

    1. Os feirantes podem ser mal educados, e você É UM COVARDE, quem critica se escondendo, sem mostrar a cara é covarde. O Pessoal que trabalha nessa feira são vencedores, lutam contra tudo e contra a todos até contra covardes do seu tipo.

  2. Não são todos. Mas existem alguns malas infiltrados no meio de alguns trabalhadores . Já fui assaltado E conheço várias pessoas que tb foram. O prefeito so que organizar e garantir o direito do cidadão de ir e vir

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *