CNBB, OAB e Cofecon lançam nota conjunta contra reforma da Previdência

CNBB, OAB e Cofecon lançam nota contra a reforma da Previdência (Foto: Divulgação)

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e o Conselho Federal de Economia (Cofecon) lançaram nesta quarta-feira, 19, uma nota conjunta contra a reforma da Previdência proposta pelo governo de Michel Temer (PMDB).

O documento defende que “nenhuma reforma que afete direitos básicos da população pode ser reformulada se, a devida discussão com o conjunto da sociedade e (de) suas organizações”. Também afirma que ela “não pode ser aprovada apressadamente nem pode colocar os interesses do mercado financeiro e as razões de ordem econômica acima das necessidades da população”.

A nota também cobra uma auditoria na Previdência Social brasileira, argumentando que “sem a compreensão clara da gestão da Previdência, torna-se impossível uma discussão objetiva e honesta”.

“A PEC 287 vai na direção oposta à necessária retomada do crescimento econômico e da geração de empregos, na medida em que agrava a desigualdade social e provoca forte impacto negativo nas economias dos milhares de pequenos municípios do Brasil”, diz o texto.

“É necessário que a sociedade brasileira esteja atenta às ameaças de retrocesso. A ampla mobilização contra a retirada de direitos, arduamente conquistados, perceptível nas últimas manifestações, tem forçado o governo a adotar mudanças. Possíveis ajustes necessitam de debate com a sociedade para eliminar o caráter reducionista de direitos”, continua.

Letícia Alves

Sobre Letícia Alves

Repórter do Núcleo de Conjuntura do jornal O POVO. Política local e nacional, bastidores e reportagens investigativas. Para sugestão de pautas, entrar em contato pelo e-mail: leticiaalves@opovo.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *