Série C: Fortaleza e Guarani, de Marcelo Chamusca, são os melhores após três rodadas

Dos nove pontos disputados, Fortaleza e Guarani conquistaram sete. O Tricolor é o líder do Grupo A, enquanto o Bugre encabeça o Grupo B. Ambos têm as melhores defesas da competição – sofreram um gol apenas e também estão no topo entre os ataques mais positivos. O Guarani marcou sete e o Fortaleza, seis. Além da dupla, apenas ASA e Tombense estão invictos na competição.

Pela frente, o Fortaleza, depois da tranquila vitória sobre o América-RN por 3×0, fora de casa, agora faz dois jogos em casa, contra o Cuiabá e o ABC. Situação é a mesma do Guarani, que depois de vencer como visitante o Juventude por 2×0, encara também em casa Macaé e Boa Esporte. Chance para os dois ampliaram vantagens sobre o quinto colocado, que é o que efetivamente importa.

Treinado por Marcelo Chamusca, que esteve no Fortaleza nas duas mais recentes disputas de Série C, o Guarani é uma espécie de filial tricolor. Além do técnico, estão no elenco Genilson, Auremir e Edinho, todos que foram titulares com Chamusca no Fortaleza e contratados a pedido dele.

Fernando Graziani

Sobre Fernando Graziani

Fernando Graziani é jornalista. Já cobriu duas Copas do Mundo, Copa das Confederações, duas Olimpíadas e mais centenas de campeonatos. No Blog, privilegia análise do futebol cearense e nordestino.

37 thoughts on “Série C: Fortaleza e Guarani, de Marcelo Chamusca, são os melhores após três rodadas

  1. O melhor de tudo é que teremos 2 jogos em casa e se nao vacilarmos, como aconteceu contra o River, temos tudo para fazer mais 6 pontos e colocarmos uma folga na liderança.

    Se a gente não continuar perdendo jogadores importantes, temos tudo para mantermos a liderança. Então, já poderiamos pensar nos times da outra chave, atualmente, o 4o. lugar é o Juventude que foi muito bem no campeonato gaucho.

    Essa chave do sul/sudeste, parece ser a melhor dos últimos 4 anos. Se isso ficar comprovado, vamos ter que jogar muito bem para subir. Esperemos que o time continue apresentando esse mesmo futebol e, preferencialmente, vença logo o 1o. jogo do mata-mata fora para jogar pelo empate aqui, logo com mais tranquilidade.

    A liderança do outro grupo é do Guarani, isso mostra que Marcelo Chamusca sabe montar bons times nessa competição, pois nos últimos anos o Guarani não consegue nem chegar entre os 4 primeiros colocados, e agora, com Chamusca no comando, está bem na competição, vamos ver se consegue se manter até o final.

  2. Guarani tem mto a crescer ainda pois o trabalho lá foi começado do zero na inter temporada! O FEC não! Guarani tem um time rápido de mta posse de bola, mas não mereceu a vitória contra o Juventude, porém foi bastante eficiente. Chamusca entende de futebol, só não entende de decisão…no FEC, foram 06 mata-mata decisivos e 5 perdidos. FEC tem o melhor elenco da competição e talvez o melhor time tbm – precisamos ver se não haverá um desmonte. Em páginas tricolores se fala de uma possível saída de Felipe para a Europa. A chegada do Rosinei foi cirúrgica, jogando como segundo volante, se tiver bem fisicamente, põe ou Correa ou Pio na reserva. Tem bom chute, excelente passe e chega mto bem ao ataque. Para série C, ótimo. Leozinho deve virar uma espécie de décimo segundo jogador, e em alguns jogos titular. O FEC ainda necessita de um zagueiro ao estilo Lima, ou seja, mais técnico – Edimar, Elivelton e Leonardo Luiz são mais força, jogo de contato, a zaga ainda precisa de um equilíbrio maior, pode pesar em jogo decisivo! Vencendo os próximos 03 jogos, o FEC praticamente define sua classificação, não do ponto de vista numérico, mas moral, abrirá grande vantagem e poderá administrar o resto da primeira fase.

    Bernardo, muito boa a sua análise e escrevo isso independente de concordar ou não com todos os pontos. Quem dera que todos os comentários tivessem esse nível e conteúdo. Salvou o dia.
    FG

    1. Concordo em quase tudo. ressalvas:
      Leozinho não jogou bem ontem, embora esteja muito cedo para falar. O preocupante é a queda de rendimento do sobralense no segundo tempo. Diferentemente do Jean, não tem força para puxar o contra-ataque em velocidade. O importante é ir para o estádio e ajudar o time a reforçar os pontos fracos. Acho o sobralense melhor finalizador que o jean, no entanto não tem mais físico para correria, principalmente no segundo tempo.

      1. Bruno, é fato que o Sobralense não mantém o mesmo desempenho durante toda a partida, então cabe ao técnico fazer a substituição antes da queda de rendimento para que o conjunto não perca.

        Já jogadores como o William Simões, só tem um esquema em que ele dá certo: quando jogamos para nos defender e contra-atacar, o que não acontece na Série C.

        No geral temos um time equilibrado e taticamente organizado, mas o clube tem que reforçar algumas posições pra reduzir o risco de dar errado mais uma vez.

  3. chegar em primeiro da chave e terminar invicto e NADA é a mesma coisa.
    o que vale mesmo é o Mata- Mata.. onde em dois jogos contra um adversário da outra
    chave ( Guarani, Juventude, Botafogo, etc..) é que vai decidir quem consegue o acesso.

    em 2012, 2014, 2015.. o Liaum fez a melhor campanha e terminou em primeiro da chave
    mas enfrentou o OESTE no Mata-Mata, em 2012 (1×1) e ( 1×3 ) . depois enfrentou o
    Macaé no Mata-Mata em 2014 ( 0x0) e (1×1 ) e o Brasil de Pelotas (2015) (0x1), (0x0).

    toda a euforia e a certeza do ACESSO que tinham os torcedores e dirigentes do Liaum. foram por água abaixo..

    uma coisa é enfrentar apenas os times do Nordeste, outra coisa é enfrentar os times do Sul e do Sudeste .quase sempre eles tem times melhores do que os da chave do Nordeste. exemplos : Chapecoense, Oeste, Brasil de Pelotas etc.. que estão se destacando em suas séries, e que estavam na Série C nos anos de 2012 e 2015.

    portanto diminuam a euforia, pois o que vale mesmo é o Mata-Mata em outubro.

    1. Não tem nada a ver essa história de enfrentar times do Sul. Não é região que determina quem é melhor ou pior, mas sim o trabalho da diretoria e da comissão técnica.

      Santa Cruz era do grupo A e hoje está na série A; Paysandu era do grupo A e ano passado quase subir para a série A; Luverdense sempre das boas campanhas na série B; Sampaio Corrêa, mesmo tendo pouco dinheiro, sempre monta bons times.

      O que existe é um equilíbrio total, onde os números não me deixam mentir.

      Desde que a série C passou a ser disputada no atual formato, em 2012, nenhum grupo está em vantagem ou desvantagem em relação ao outro no quesito acesso. Em 2012 e 2014, subiram dois times de cada grupo; em 2013, três do grupo A e um do grupo B; já em 2015, três do grupo B e um do A.

      Ou seja, isso prova que existe um equilíbrio total. Essa de dizer que times do Sul são mais fortes é tão mentiroso quanto uma nota de três Reais.

      1. Ainda estamos na 3ª rodada, qualquer previsão no momento é precipitada. Temos que continuar com humildade e determinação para ao final conseguirmos atingir nossos objetivos.

        Sérgio, você falou tudo e com dados verdadeiros, parabéns.

    2. Carlos Lima Você apesar de Torcer o Ceará é muito informado no Fortaleza.
      Digo uma coisa, este ano não passa pois agora temos um treinador de verdade.
      Quanto ao time do Ceará que é um amontoado de jogadores só resta torcer pra não cair pra Terceira.

    3. Tô aqui torcendo pra você escrever que “não tem macumba e nem reza” que faça o Fortaleza EC passar pelo mata-mata.

      Da última vez que você garantiu isso, a festa tricolor foi grande.

      Saudações Tricolores.

  4. Vencemos tranquilo o América-RN. E ainda tem gente que acha que América, ABC, Remo, River, Botafogo-PB São super times.

    Bom, tem torcedor aqui que disse que o Fortaleza iria perder os dois jogos fora e iria voltar com crise e na zona de rebaixamento. Esse, por sinal, foi o mesmo torcedor que comemorou o empate do Fortaleza frente ao River quase soltando fogos, sem falar que disse que macumba faria o Fortaleza eliminar o Flamengo.

    Comentários e análises patéticas.

    1. Mas o rapaz sofrido se apega a isso mesmo.

      Primeiro ele falou que seria complicado a classificação dentro da chave, visto que agora tinha dois grandes do Rio Grande do Norte e o Remo.

      Aí viu que o Fortaleza não tem adversários dentro da chave ( E É VERDADE).

      Agora, já tá projetando o mata-mata contra os adversários da outra chave, e quem já assistiu até aqui a competição, viram que o pessoal da outra chave apresentou um futebol tão ruim ou pior que os adversários do Fortaleza.

      Antes, havia previsto a queda inevitável para o Flamengo, onde quebrou a cara, mais uma vez.

      1. Exatamente, antes o Carlos Limao dizia que essa chave do No/Ne da Serie C era a mais forte dos ultimos tempos, que o Leao nao ficaria nem entre os 4 primeiros, pois tinha America, ABC, Remo, CRB, ASA, Botafogo, River, etc. Todos melhores do que o Leao.

        Agora, que ele percebeu que o Leão dificilmente perde a vaga, já mudou o discurso, ou seja, como sempre, não tem a minima nocao de futebol. Fica só na torcida para o time do outro grupo vir e eliminar o Leao de qualquer forma que seja, só para ele colocar mais um ano do Leao na Serie C, como ele faz.

  5. o motivo do Jorge Mota ter no começo do ano implorado na CBF para mudar o regulamento querendo ele que dois times de cada chave (A e B ) se classificassem
    para a Série B. é porque ele Jorge Mota sabe que é mais fácil enfrentar num Mata-Mata, um time Nordestino, do que enfrentar um time do Sul ou do Sudeste.

    esse ano o Liaum irá enfrentar num provável Mata- Mata, um desses adversários (Juventude, Botafogo de Ribeirão Preto, Guarani de Campinas, Portuguesa, Ipiranga, Tombense ou Boa Esporte.)

  6. O América é um time ruim que dá dó, já está bem claro que o grupo B é bem mais forte e assim a estratégia de chegada tem de ser vista agora antes de que tenhamos sorte, peguemos o Macaé e tenhamos de comprar caro a vaga algo nunca feito por estas bandas, claro. Jorge Mota reserve algum por via das dúvidas, dizem por aí que funciona né?

  7. o Mata- Mata é outro campeonato. tudo o que o seu time fez de Bom ou de Ruim, antes do Mata-Mata, não será importante na disputa dos dois jogos. exemplos são muitos:

    o Oeste em 2012, terminou em quarto lugar na classificação da sua chave. e ao final foi o Campeão da Série C.

    o Macaé em 2014 terminou em quarto lugar na classificação da sua chave. e ao final foi o
    Campeão da Série C.

    o Brasil de Pelotas em 2015 terminou em quarto lugar na classificação da sua chave. e
    eliminou o Liaum no Mata-Mata.

    OBS: o que comprova a SUPERIORIDADE da outra chave com relação a chave do Liaum
    ou seja, fazer a melhor campanha, ficar invicto 18 jogos etc.. não garante o acesso.
    a “prova dos nove” é o Mata- Mata.

    1. Como assim? Não era você mesmo que vivia falando por aqui, que o Fortaleza não teria chances de acesso, por conta dos jogos ruins que fez na primeira fase? Agora já não importa mais? Qual é o ponto de equilíbrio nisso aí?

      Você vive dizendo: ” com esse futebol, dificilmente o time de Marquinhos Santos irá subir. O time não jogou nada e venceu os jogos na sorte. ”

      Agora já diz que o que foi feito de bom ou de ruim antes do mata mata, cai no esquecimento.

      Ou seja: se eu jogo mal e chego na outra fase, é quase certeza de obter o fracasso e, consequentemente, não conseguir o objetivo final; mas, por outro lado, se eu chegar na segunda fase, independente de jogar bem ou mal, o que foi feito para trás não tem importância ou significado nenhum?

      é muita contradição para uma pessoa só, sinceramente.

    2. Já tinha ouvido muita asneira proferida pelo Carlos Lima, mas essa ultrapassou todos os limites, dizer que o Oeste, Macae e Brasil terem eliminado comprova a SUPERIORIDADE da outra chave é absurdamente ridiculo!

      O time do Leao era o melhor time em todas essas 3 vezes, só contra o Oeste que a superioridade nao era tao grande.

      Contra o Macae e o Brasil, a diferença tecnica, principalmente, no jogo da volta foi bem grande. O Macae precisou de uma falha do Ricardo, goleiro do Leao na epoca, para fazer um gol e depois ficar todo recuado, jogando com o regulamento debaixo do braço, e o Leao perdendo uma carrada de gols, mesmo assim foi por pouco que o Leao nao virou o jogo, tambem por uma grandes atuacao do goleiro deles. O mais absurdo mesmo na epoca foi comprovar como um regulamento pode ser tao mal feito, a ponto de um time que foi muito melhor o tempo todo na primeira fase teve como unica vantagem fazer o segundo jogo em casa. Era, no minimo, para poder jogar por dois resultados iguais.

      Contra o Brasil, era para ter sido uns 3 ou 4 a zero, no jogo da volta, mas, por competencia do goleiro do Brasil e com ajuda da trave, o Leão nao conseguiu vencer esse jogo tambem. No primeiro jogo, o Leao conseguiu perder dois gols feitos e o Brasil só teve mais uma grande chance perdida, o jogo era para ter sido uns 2×2 lá, e o Leao teria se classificado mesmo com o 0x0 aqui, mas nao deu certo lá tambem, assim como nao deu aqui e acabamos perdendo por 1×0 lá, resultado que acabou classificando o time de Pelotas.

      Ou seja, em nenhuma vez que o Leao foi eliminado no mata-mata houve essa “clara” superioridade do time da outra chave. Essa é a verdade e não esse seu comentario absurdo.

      1. Não leve em consideração o que o Carlos Lima, fala ele tem micro cefalia, para ele todo time que o Fortaleza vence, o adversário é um timeco, e todo time que o kanal vence é sempre um super time, por exemplo o Leão venceu o Flamengo duas vezes, ele disse que esse Flamengo é um timeco, engraçado que é o 5º colocado na serie A desse ano, e o kanal venceu o Sampaio, que para ele é um super time, mesmo sendo o lanterna da serie B, com um ponto, nenhuma vitoria e um saldo negativo de 14 gols, ou seja naquele segundo jogo contra o Macaé, O Fortaleza perdeu uma carrada de gols, inclusive teve uma bola na trave quando estava 1×1 que o goleiro rezou para bola não entrar, onde esta essa superioridade do Macaé, superioridade é quando o outro time vem e goleia o outro, e não o que aconteceu, contra o Brasil de pelotas a mesma coisa, e contra o Oeste, antes do time paulista fazer o segundo gol, o Fortaleza perdeu uma carrada de gols.

        1. Perfeito Valterlan!

          Exatamente, resumindo, o Leao foi superior nesses 3 confrontos, eu considero que a gente deu azar ou falta de sorte, em todos os confrontos, combinado com a competencia do goleiro do time adversario ou ajuda da trave, principalmente, contra o Macae e Brasil. E nao aconteceu nada do time do grupo sul/sudeste ser “superior” ao time do no/ne, no caso o Leão do Pici.

          Agora, voce está certo, o Carlos Lima sempre quer colocar o time kanalense no ceu e o Leao na lata de lixo, por mais que nao faça o menor sentido, como nesse caso do Flamengo.

          O time do Flamengo nao fez nenhuma contratacao, depois que os vencemos, ou seja, é o mesmo time contra quem a gente jogou e venceu por 2×1, por 2 vezes seguidas. Ele não quer ver merito nenhum no Leao, ao dizer que o Flamengo nao jogou nada nas 2 vezes e o Leao só teve “sorte” e venceu o Flamengo, porque jogou em um esquema que ele inventou “10-1”.

  8. Dizia ontem lá no Blog do Leão:

    “João Ximenes – 6 de junho de 2016 às 17:19
    SOU MAIS LEÃO DE AÇO, mesmo MARQUINHOS tendo optado por colocar o SOBRALENSE na vaga do JEAN, ao invés de meter um LATERAL lateral, CLEBINHO ou NATAN.
    Que SOBRALENSE entre bem no jogo e consiga manter o padrão tático, principalmente no que diz respeito a RECOMPOSIÇÃO. Se conseguir marcar um “golzin”… melhor ainda. MARQUINHOS, é de maior, vacinado, e sabe o que faz !!!!!”

    Parecia tava adivinhando: “Se conseguir marcar um “golzin”… melhor ainda(SOBRALENSE).”

    MARQUINHOS, se não sabe o que tá fazendo de fato, tem estrela, pois SOBRALENSE, afora o GOL… ?
    Uma coisa ficou clara pra mim: SOBRALENSE não é o substituto, TATICAMENTE FALANDO, do Jean, principalmente na hora da RECOMPOSIÇÃO. Com a bola no pé não se discute a sua qualidade.

    LEÃO DE AÇO jogou o suficiente pra conseguir o resultado, e não tem muita coisa a acrescentar quanto ao futebol dentro de campo, pois foi muito parecido com os outros, no quesito: SOFRER PRESSÃO.
    É a FORMA DE JOGAR que MARQUINHOS optou(e tá dando resultado) que trás o adversário pra cima o tempo todo.

    BERNA saiu-se muito bem. Defendeu pelo menos umas três bolas de gol.
    FELIPE andou errando passes curtos. Mas o PASSE pro gol do Sobralense foi milimétrico.
    ELIVELTON me pareceu bom nas bolas pelo alto. Foi bem.
    EDIMAR na vontade e superação de sempre. Mais um gol na conta dele.
    SIMÕES dentro de suas limitações. Sentiu a falta de mais um pra ajudar.
    CORREA me parece fora de ritmo… DE JOGO.
    PIO andou sumindo. Parece tava sentindo uma das coxas.
    JULIANO, como sempre, segura o barco e dá o ritmo da equipe. SEGURA ELE gente !
    SOBRALENSE fez o gol e vi pouco ele no jogo. Some da mesma forma como aparece.
    EVERTON vai sentir falta do Jean. Foi razoável, e da impressão até de tá se poupando.
    ANSELMO pra variar: ISOLADO de novo. Mas teve mais um baile de favela.
    JUNINHO tá desaprendendo.
    LEOZINHO pode vir a ser o Jean pelo lado esquerdo(ainda é cedo. Mas é canhoto e tem gás).

    MARQUINHOS vai ter de descobrir um novo jogador pra REFAZER aquele nosso lado esquerdo que tanto estávamos acostumados e confiávamos.

    3 X 0, parece que diz muita coisa no que diz respeito a futebol dentro da partida.
    SÓ QUE NÃO DIZ TUDO.

    América não foi esses balaios todo, contrariando a sua liderança até então, enquanto que LEÃO DE AÇO tem seus ajustes a serem feitos, e MARQUINHOS, por conta das perdas de jogadores, vai precisar ter muita SERENIDADE quando da escolha pra REMONTAGEM da equipe, principalmente quando se falar de lado esquerdo.
    Parece ser pouco as perdas(Dudu e Jean), mas não deve se conta ai somente a quantidade, e sim a perda de uma ESTRUTURA que vinha dando certo, e que se torna necessária pra qualquer time de futebol do mundo(SEQUÊNCIA).

    Quanto a PERDA de jogador, penso o seguinte: A CONTINUAR SAINDO JOGADOR, vai ter uma hora que MARQUINHOS também vai ficar no direito de SAIR.

    E AI ?
    QUEM VAI VIR “BUTAR” A CARA A TAPA PERANTE AO TORCEDOR(Nós) ?

    É sabido, o quanto representa essa Czona pra todos os TRICOLORES.
    Quando se tem a grande EXPECTATIVA de um grande ano, vê-se equipe se desmontando na nossa cara é de ARREPIAR.
    BRINCADEIRA TEM HORA !!!!!

    PRESTENÇÃO DIRETORIA !!!!!!!!!!!

  9. Convenhamos que o começo da série C nunca foi exatamente o problema tricolor, o problema tricolor é o seu final prematuro do certame.

    A boa campanha do time do Chamusca prova mais uma vez que a série C é, na verdade, dois campeonatos distintos em um só, onde o sucesso na primeira fase, além de não garantir muita coisa, ainda pode maquiar algumas carências.

    Sobre o jogo de ontem, Fortaleza EC mostrou que tem elenco capaz de dar uma resposta quando necessário. É bom ver Daniel Sobralense retornar marcando gols, é um jogador que, apesar das criticas, pode ser de grande valia às pretensões tricolores.

    Fortaleza EC, pelo futebol apresentado até aqui, mostrou que é sim favorito a uma das 4 vagas no mata-mata. É continuar mantendo a seriedade e rezar para que o desmanche do elenco tenha parado.

    Saudações Tricolores.

  10. Final da Série C: Fortaleza e … Esse ano o trabalho do técnico vai fazer a diferença. Esse rapaz não se ilude com 1º lugar de grupo. Ele tem os dois pés bem fincados no chão e sabe como controlar os atletas.

  11. Carlos Lima, essa sua tese faz tempo que ouvimos, mas nada é para sempre, lembro do Santa Cruz, que na serie D , perdeu mata para o Guarani de Sobral e outros times menos votadas, mas um dia isso mudou e hoje o Santa ta na série A, uma evolução maior que o poderoso Kanal, que estava na serie A, quando o Santinha tava na D, e agora as coisas se inverteram, por que estou dizendo isso, mas isso via acontecer com o Fortaleza, e eu toda a torcida do tricolor estamos torcendo para isso acontecer este ano, como lhe disse ¨NADA É PARA SEMPRE¨

  12. Era uma vez um menino de 17 anos q jogava muita bola, mas o famigerado do preconceito com os atletas das categorias de base n permitiu q fosse visto. É a teoria da cegueira deliberada. Mas q preconceito. Dirigentes tricolores preferem jogadores de outras plagas. Mas, felizmente para o menino, um dos gigantes do futebol nacional, lá dos pampas o enchergou e o levou por uma micharia. Hoje, é, um dos destaques do Grêmio e sensação da Série A. Com essa filosofia de desprezar suas categorias de base, Ceará e Fortaleza nunca vão alcançar a Elite

  13. Era uma vez um menino de 17 anos q jogava muita bola, mas o famigerado do preconceito com os atletas das categorias de base n permitiu q fosse visto. É a teoria da cegueira deliberada. Mas q preconceito. Dirigentes tricolores preferem jogadores de outras plagas. Mas, felizmente para o menino, um dos gigantes do futebol nacional, lá dos pampas o enchergou e o levou por uma micharia. Hoje, é, um dos destaques do Grêmio e sensação da Série A. Com essa filosofia de desprezar suas categorias de base, Ceará e Fortaleza nunca vão alcançar a Elite

  14. FG,todos conhecem bem o ditado do ” Gato escaldado tem medo d’água fria”,pois muito bem,todos nos sabemos que o FEC,tem invariavelmente possibilidades de grandes campanhas nesta primeira fase,como não me empolgo por antecipação prefiro esperar mais.
    È muito alvissareiro começar bem ,considerando a performance desta época não poderíamos esperar nada diferente.Lhe digo entretanto que minha expectativa é primeiro a qualificação para a segunda fase do torneio e principalmente os dois jogos que decidem a vaga para Serie B.
    Acreditando sempre!
    Carrega Fortaleza!!!

    ST

  15. Prá que tanta inveja e arrogância dos tristes torcedores do triste time alvinegro (vulgo canal imundo)? Isso não leva a nada. Só ao castigo.

  16. FG estou descobrindo agora o seu blog, já lhe vi algumas vezes pela TV , pois resido aqui em Natal, mas de vez em quando vou visitar meus familiares, na nossa querida Fortaleza.

    Valeu pela gentileza, Isidorio.
    Abraço
    FG

  17. Fico feliz em saber que o nosso tricolor de Aço está em uma belíssima fase. Espero que continue jogando esse futebol técnico, ousado e bonito. Pena que saíram dois grandes jogadores da equipe, não sou contra a liberação dos jogadores, mas acho que as multas rescisórias deveriam ser maiores, temos sim, jogadores muito talentosos, mas a diretoria tem que fechar a torneira, porque, entrar dinheiro, não contratar,e deixar o caixa do clube com muito dinheiro, não vamos subir para a tão desejada Série B. A torcida que vem apoiando inteiramente o seu time, tem que comparecer ao Estádio nesse domingo. Os ingressos já começaram à ser vendidos nas lojas e no pici. E pra você que está em dúvidas, faça seu sócio torcedor e ajude nosso time! Um abraço e saudações tricolores.

  18. Muita baboseira, não devemos nos preocupar com opiniões de adversários, eles estão acostumados a comer panelada e arrotar lagosta, e só tem um argumento que é estarmos na série C, mas sabem que estão se tornado fregueses, já que ha 2 anos não vencem o leão, somos BI do Cearense e estamos acostumados a vencer equipes das Séries A e B. Vamos atentar para comparecermos ao próximo jogo do Leão no Castelão, vamos lotar aquela praça de esportes. Já fomos a melhor média de público na Copa do nordeste, o grande Vôvo ficou em 5º e no cearense também onde por coincidência o mesmo velho ficou em 5º lugar, atrás do Leão, Uniclinic e dos dois Guaranis.

  19. Fernando Graziani, gostaria que pudesse comentar a estrutura de formação de base dos clubes cearenses. Especialmente pegando esse comentário de Jota Lacerda, do seu face sobre a saída do profissional contratado no ano passado para fazer com o trabalho de formação de atletas pudesse avançar no clube. Como você avalia essa questão? A seguir copiou a comentário.

    Fortaleza pisa no freio e dá longa marcha à ré
    O Fortaleza abriu mão do projeto que engatinhava, a partir da chegada de Luciano Reis (17 de maio de 2015), mirando um futuro próspero no quesito Divisão de Base. Venceram as forças contrárias ao trabalho inovador, intenso na busca de novos talentos, com metodologias atuais e sem apadrinhamentos. Moderno demais para alguns dirigentes e membros da comissão técnica, Reis virou uma “bolha” que incomodava os defensores de métodos atrasados.
    Em 1 ano e 15 dias de intenso trabalho (viagens, peneiradas, competições), Luciano Reis não ganhou títulos porque não trabalhava para ganhá-los. Ganhou talentos, que ficam com a semente germinada, caso do volante Jatobá (procedente de Sergipe), imediatamente aprovado pelo treinador da equipe principal, Marquinhos Santos. Basta que reguem com “água boa”.
    Vida que segue, Reis (Lupa, como eu o chamo) vai em busca de novos (verdadeiramente novos) horizontes para plantar mais sementes. Enquanto isso, o Fortaleza segue contratando jogadores veteranos, caros, cansados, com o custo-benefício duvidoso. Até o treinador Marquinhos Santos parece já estar contaminado e apresenta sinais de mudanças da própria filosofia de trabalho.
    E viva a terceira divisão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *