Espetáculo “Cama de baleias”

Segue em cartaz até domingo (16), na antiga estação ferroviária João Felipe (Praça da Estação), às 19h, o espetáculo Cama de baleias. Trabalho de conclusão da disciplina Montagem, do curso de licenciatura em Teatro, do Instituto de Cultura e Arte (ICA) da Universidade Federal do Ceará, a peça tem como enredo os conflitos pessoais e coletivos dos moradores de um pequeno vilarejo que se vê às voltas com a inundação causada pela inevitável subida do nível do mar.

Na apresentação, o público é convidado a caminhar, ao encontro dos personagens, por alguns espaços da centenária estação ferroviária João Felipe, desativada desde 2014. Para a realização do projeto nessa locação histórica da Capital foi firmada parceria com a Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional no Ceará (IPHAN). Com isso a turma de estudantes, sob a orientação do Prof. Francis Wilker, desenvolveu uma residência artística na estação com o acompanhamento de técnicos do IPHAN, além de roda de conversa sobre patrimônio cultural e a atuação do Instituto.

A criação de Cama de baleias se deu através de percurso de natureza colaborativa em que os estudantes propuseram temas, improvisações, questões e que foram sendo adensadas ao longo do processo, contribuindo para a configuração da encenação e dramaturgia do trabalho. O ponto de partida temático foi a metáfora do “naufrágio”, pessoal, social, político, aspectos comparados a navios que naufragaram na orla de Fortaleza.

Imagem: Cena de "Cama de baleias"Cama de baleias tem direção do Prof. Francis Wilker e dramaturgia do goiano João Dias Turchi. No elenco estão os alunos: Alessandra Eugênio, Amanda Monteiro, Christian Oliveira, Cícero Renan, Cosmo Almeida, David de Alencar, Denis Queiroz, Iure Góes, Jander Alcântara, Jota Júnior Santos, Nabar Uribe, Pedro Doria, Pedro D’Silva, Rayanne Falcão, Renata Milena, Renatinha Fernandes, Renato Coelho e Robert Bernardo. A iluminação é de Wallace Rios. Os figurinos, de Félix Felzke e Pedro Felipe. A consultoria musical, de Poty Fontenelle. Como assistentes de cena estão João Paulo de Jesus, Mauro Filho e Samuel Sousa. As fotografias são de Tim Oliveira e o projeto gráfico é de Tobias Gaede.

Os ingressos serão distribuídos no local uma hora antes do evento. O público é limitado a 50 pessoas por questões de segurança no local. O espetáculo tem indicação de 16 anos. Para mais informações, os interessados podem entrar em contato com o Prof. Francis Wilker (franciswilker@gmail.com, 11 982819173) e Amanda Monteiro, aluna de Teatro e integrante do elenco (85 997423170).

Fonte: Tobias Gaede, produtor cultural do Instituto de Cultura e Arte da UFC – fone: 85 3366 9223

Valeska Andrade

Sobre Valeska Andrade

Formada em História pela Universidade Federal do Ceará e em Pedagogia pela Universidade Estadual do Ceará. Especialista em Cultura Brasileira e Arte Educação. Coordenou o Programa O POVO na Educação até agosto de 2010. Pesquisadora e orientadora do POVO na Educação de 2003 a 2010, desenvolveu, entre outras atividades, a leitura crítica e a educomunicação nas salas de aula, utilizando o jornal como principal ferramenta pedagógica. Atualmente, é professora de história da rede estadual de ensino. Pesquisadora do Maracatu Cearense e das práticas educacionais inovadoras. Sempre curiosa!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *