A linguagem da música brasileira

PauBrasil1

Por Mariana Amorim (marianaamorim@opovo.com.br)

Com uma carreira nacional e internacional estabelecida desde 1979, o grupo Pau Brasil promove uma sonoridade única. Considerados um dos patrimônios da música brasileira, o conjunto paulistano, formado por Nelson Ayres (piano), Rodolfo Stroeter (contrabaixo), Paulo Bellinati (violão), Teco Cardoso (sopros) e Ricardo Mosca (bateria), traduz brasilidade e é referência no cenário da música instrumental no País. Continue lendo

Caixa luxuosa comemora 30 anos do projeto Mensagem

©Rama de OliveiraReconhecido como um dos maiores patrimônios da literatura no mundo, Fernando Pessoa teve apenas um livro publicado em vida. Trata-se de Mensagem, coleção de 44 poemas épicos que reconstroem um pedaço da história de Portugal. A realeza, as grandes navegações, os mitos e cenários cheios de castelos e cavaleiros muniram o poeta natural de Lisboa, que concluiu a obra apenas um ano antes de falecer em 1935. Sua intenção, após este primeiro, era lançar outras obras, como o Livro do Desassossego, assinado pelo heterônimo Bernardo Soares. Continue lendo

O som e a cor dos canadenses

Por Isabel Costa (isabelcosta@opovo.com.br)

magic_vb_0661_final_chapman_baehler_0

Continue lendo

Warner lança box com obra setentista de Ney Matogrosso

digitalizar0002

Em 1º de agosto de 2016, Ney Matogrosso completa 75 anos de vida. Deste tempo, 43 anos foram dedicados a criar uma obra que transcendeu a música para confundir pensamentos, chocar os caretas e transformar-se numa revolução de comportamento. Muito dessa postura teve início quando ele formou, junto com João Ricardo e Gerson Conrad, o Secos & Molhados. O grupo existiu por apenas um ano e meio, o suficiente para bagunçar o coreto de um país que vivia sob as botinas da Ditadura Militar. Continue lendo

Capital Inicial lança segundo trabalho

capital-inicial-show-ny

Quando o Capital Inicial aceitou o convite para gravar um Acústico MTV era difícil prever que frutos poderiam ser colhidos. Naquele momento, eles estavam tentando agarrar a terceira chance de levar adiante a carreira que começou em Brasília, nos anos 1980. Até 2000, eles lançaram seis discos cheios de hits, perderam o vocalista Dinho Ouro Preto para uma apagada carreira solo e chamaram como substituto o efêmero Murilo Lima, que pouca gente vai lembrar. Continue lendo

Elza Soares anuncia o fim do mundo em Fortaleza

Por André Bloc (andrebloc@opovo.com.br)

elza-soares-destaque-nacional

O Brasil, injustamente, já odiou Elza. Mulher forte, independente, combativa e que lutou contra os vícios do então marido, o jogador Garrincha (1933 – 1983), sem nunca fazer o papel de donzela que o País esperava de uma mulher negra e pobre. Com talento e esforço, no entanto, Elza se fez justiça até subir ao patamar de uma das maiores intérpretes da história da música brasileira. Sábado e domingo, ela chega à Fortaleza para, pela primeira vez, interpretar as canções inéditas de seu novo repertório. O show A Mulher do Fim do Mundo, baseado no CD homônimo, chega ao Teatro RioMar com a responsabilidade de suprir a expectativa por uma das apresentações mais celebradas do ano passado. Continue lendo

Mariana Aydar apresenta novo álbum na Caixa Cultural

Por Isabel Costa (isabelcosta@opovo.com.br)

foto3

Mariana Aydar retorna a Fortaleza para mostrar que outro samba existe. De hoje até domingo, a cantora paulista apresenta seu mais recente álbum - Pedaço duma Asa – em quatro apresentações na Caixa Cultural Fortaleza. O disco é uma parceria com o compositor e artista visual Nuno Ramos, com quem Mariana mantém contato desde 2007. A relação não foi apenas de gravar, mas de um diálogo amplo entre os dois que fez nascer uma obra consistente. Continue lendo

Depois de Rita, Arnaldo Baptista que tem obra recuperada em box comemorativo

Capa Luva_Flat_Box Arnaldo Baptista

Influenciando geração após geração ao longo de 50 anos, os Mutantes são resultado de uma combinação perfeita de três elementos. Rita Lee era o bom humor, a simpatia e o carisma do grupo paulistano. Sérgio Dias era o músico virtuoso, guitar hero competente ainda hoje. Seu irmão, Arnaldo Baptista era o mentor, a liga entre a canção vanguardista e as letras maluco-psicodélico-non sense do trio que fez história como o som do movimento tropicalista. Continue lendo

Box Rita Lee: raridades e o que ficou de fora

box-caixa-21-cds-rita-lee-2015-lancamento-novo-lacrado

Para completar o box Rita Lee, uma coletânea inédita resgata 13 faixas obscuras que andavam espalhadas em discos alheios. Algumas delas já haviam sido reunidas em 1997, na série Meus Momentos 2. É o caso de Arrombou a Festa, Caçador de Aventuras e a irônica Fonte da Juventude. Além delas, tem Felicidade, canção de Lupicínio Rodrigues refeita para a campanha Rider Hits, da famosa marca de chinelas. Continue lendo