TRANSMISSÃO – BLOCO DE REFLEXÃO ALTERNATIVO À FOLIA CARNAVALESCA

Foi no século passado, mas de fato não faz muito tempo quando nos bairros as famílias saiam às ruas exibindo fantasias caseiras, jogando confetes uns nos outros, rindo sob nuvens de pó de arroz e entoando marchinhas inocentes num clima fraterno e de enredo feliz! Naquela época, ia-se para a rua e voltava-se para casa sem medo das fatalidades que nos tornam parte das estatísticas de violência do pós carnaval. Tudo parece estimular a marginalidade, assaltos e  arrastões como o recente pré carnaval de Olinda que causou pânico até na beira mar do grande Recife.

O fato é que o mundo mudou e mudou para pior!  O que restou foi um festival de violência e insegurança, uma folia regada ao entorpecimento químico das drogas e das bebidas alcoólicas. Pobres Pierrot, Arlequim e Colombina, personagens apaixonados dos carnavais de outrora oriundos da Commedia DellArte italiana do Sec. XVI, seus versos de amor inocente deram lugar aos insultos safados no estilo pornô, letras poluídas de malícia que presumem que o único modo de se viver romance e sexo é pelo viés pornô, uma outra forma de vício que destrói a relação.

Outro motivo para se pensar numa alternativa são os custos de uma festa que deveria ser simples, singela e sem muito dispêndio, mas que acaba pesando no bolso do Estado e dos foliões, na sua grande maioria endividada de outros carnavais. A crise financeira requer sobriedade tanto do cidadão quanto do poder público, a exemplo dos que buscam locais alternativos, saudáveis e pacíficos e  algumas prefeituras que cancelaram o carnaval rua, como  justificou o prefeito de Tianguá Dr. Luiz: “Foi decisão do município cancelar a folia porque seria imoral fazer festa num município em crise, que ficou sem ambulância.”

As Igrejas evangélicas tradicionalmente promovem eventos alternativos nesta época de carnaval, e assim fará a IGREJA BATISTA CENTRAL DE FORTALEZA- Ibc Fortaleza-  no TRANSMISSÃO 2017.  Usando o amplo e privilegiado espaço  do Campus Tenda IBC, localizado na  esquina do Anel Viário com a BR 116. Serão quatro dias de reflexão e interação entre jovens e adolescentes de todas as idades.

O TRANSMISSÃO oferecerá um ambiente e uma dinâmica propícios ao debate, troca de ideias, apresentação de movimentos e agendas que visam compreender melhor o contexto da sociedade em que vivemos e a sua relação com a mensagem transformadora do Evangelho de JESUS.

Serão quatro dias de conversas corajosas, muita música, manifestações artísticas, conexões interpessoais e possibilidade de um especial encontro com Deus. Vários interlocutores convidados, várias bandas do Ceará e de outros Estados formarão o BLOCO ALTERNATIVO deste que poderá ser o melhor de todos os carnavais – O TRANSMISSÃO!

Para mais informações:  facebook.com/CongressoTransmissao
Foto créditos Alexandre Lutz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *