UFC 210: cearense Thiago Pitbull faz luta segura e vence Patrick Coté, que se aposenta do MMA

Thiago Pitbull venceu os três rounds e confirmou a vitória por pontos. Foto: UFC/Divulgação

Dois anos e três meses depois, Thiago ‘Pitbull’ Alves reencontrou o caminho das vitórias. Na noite deste sábado, 8, o lutador cearense mostrou que ainda pode lutar em alto nível e bateu, por decisão unânime dos juízes, o canadense Patrick Côté, em duelo do card principal do UFC 210, realizado em Buffalo, Nova York (EUA).

Com o triunfo – o 14º de Thiago na divisão dos meio-médios do Ultimate – o cearense se recupera, depois de vir de uma séride de duas derrotas seguidas (para Jim Miller e Carlos Condit) e agora deve ganhar um lugar no TOP 15 da divisão. Já o Côté, logo após o anúncio do resultado oficial (um triplo 30-27 em favor do brasileiro), anunciou sua aposentadoria do MMA, aos 37 anos.

O caminho para a vitória do cearense passou por uma luta muito segura em pé, onde mostrou ampla superioridade na trocação, com direito a um knock down no adversário em cada round, além de uma queda. Thiago ainda castigou o adversário com cotoveladas quando estava por cima do seu oponente. O cearense também soube trabalhar muito bem contra-golpeando as investidas do canadense, que ‘vendeu caro’ a derrota, mostrando queixo duro na última apresentação de sua carreira.

Aos 33 anos e com 12 anos de UFC nas costas, Thiago ‘Pitbull’ Alves, que nasceu em Fortaleza, agora conta com um cartel de 33 lutas profissionais, com 22 vitórias e 11 derrotas.

Charles do Bronx ‘mochilou’ nas costas do seu adversário e venceu por finalização. Foto: UFC/Divulgação

Além de Pitbull, outro brasileiro entrou em ação no UFC 210: Charles do Bronx. E venceu. Com muita categoria, o paulista encaixou um mata-leão após montar nas costas do americano Will Brooks e confirmou a vitória por finalização ainda no 1º round. O duelo marcou o retorno do brasileiro à categoria dos pesos-leves.

Confira os resultados do UFC 210:

Card principal
Daniel Cormier finalizou Anthony Johnson no 2º round
Gegard Mousasi venceu Chris Weidman por nocaute técnico no 2º round
Cynthia Calvillo finalizou Pearl Gonzalez com um mata-leão no 1º round
Thiago Pitbull derrotou Patrick Côté por decisão unânime dos jurados
Charles do Bronx finalizou Will Brooks com um mata-leão no 1º round

Card preliminar
Myles Jury derrotou Mike de la Torre com um nocaute técnico no 1º round
Kamaru Usman derrotou Sean Strickland por decisão unânime dos jurados
Shane Burgos derrotou Charles Rosa por nocaute técnico no 3º round
Patrick Cummins derrotou Jan Blachowicz por decisão majoritária dos jurados
Gregor Gillespie derrotou Andrew Holbrook por nocaute no 1º round
Desmond Green derrotou Josh Emmett por decisão unânime dos jurados
Katlyn Chookagian derrotou Irene Aldana por decisão dividida
Magomed Bibulatov derrotou Jenel Lausa por decisão unânime dos jurados

Bruno Balacó

Sobre Bruno Balacó

Jornalista esportivo do Grupo de Comunicação O POVO. Redator do site de esportes do jornal O POVO (Portal Esportes O POVO) e repórter do caderno de esportes do O POVO. Comentarista esportivo da Rádio O POVO/CBN, da TV O POVO e titular blog Gol e do blog Clube da Luta do O POVO Online

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *