O verdadeiro jogo de seis pontos

fortaleza-x-guaraju

 

 

Caros tricolores, O Leão volta a campo nesta quarta-feira para uma partida que vale por duas competições. O jogo entre Fortaleza x Guarani de Juazeiro pela 2a rodada do Cearense também coloca em jogo a Taça dos Campeões que envolve os atuais campeão estadual e campeão da Taça Fares Lopes.

O técnico Hemerson Maria terá a ausência de Cássio Ortega. O meia sofreu uma pancada no tendão do tornozelo direito no jogo contra o Ferroviário e está fora da partida desta quarta. Com isso Gastón Filgueira vai para o meio e Allan Vieira entra no time para fazer a lateral esquerda.

O provável time titular do Fortaleza deve ser: Marcelo Boeck, Felipe, Heitor, Ligger e Allan Vieira; Anderson Uchoa, Jefferson, Gastón Filgueira e Rodrigo Andrade; Gabriel Pereira e Juninho Potiguar.

O Guaraju foi o único a vencer na estreia do estadual e lidera a competição. O time do treinador Washington Luis vem motivado por esse fato e pela possibilidade de levantar um troféu no Castelão. Lembrando que se o jogo terminar empatado, teremos cobranças de pênaltis para definir o campeão.

Os ingressos para a partida começaram a ser vendidos nesta terça-feira. O jogo contra o Guarani, que também é válido pela Taça dos Campeões 2017, começará às 21h.

Preços:
-Inferior Sul (R$ 30,00 – inteira / R$ 15,00 – meia)
-Setor Bossa Nova (R$ 50,00 – inteira / R$ 25,00 – meia)
-Setor Especial (R$ 50,00 – inteira / R$ 25,00 – meia)
-Setor Premium (R$ 120,00 – inteira / R$ 60,00 – meia)

Nos vemos no Castelão.

 

5 thoughts on “O verdadeiro jogo de seis pontos

  1. Burrice total o clube deveria utilizar apenas a parte inferior do estádio, esperamos entretanto que Hemerson tenha corrigido os sérios e tolos erros de posicionamento do time estreante.

    Elenilson Dantas
    E é só a Inferior mesmo

  2. Vai ser um bom jogo pra se ver, e espero LEÃO DE AÇO esteja mais solto hoje(Mais solto no sentido DESTRAVADO).
    Lembrando que vale o primeiro título da temporada. Parece não ser muita coisa, mas jogador gosta de levantar taça, principalmente porque os motiva e da maior confiança pra sequencia do trabalho.

    Depois da primeira partida onde ficou claro a falta de preparo físico e ritmo de jogo, não vai ser ainda desta vez que a coisa vai aparecer dentro do que a gente espera. ISSO É FATO.
    ESPERO que HEMERSON MARIA tenha corrigido, principalmente, o POSICIONAMENTO dos volantes, e a equipe esteja um pouco mais COMPACTADA, pois a compactação vai ajudar em muito a falta de ritmo e físico, além de dar a chance de trabalharmos mais a bola, com paciência, onde teremos a chance para mais uma OBSERVAÇÃO sobre os atletas quanto a posse de bola e passe, no que já poderemos almejar algo mais e/ou ir se desiludindo pro futuro.

    Positivo é a entrada de um LATERAL lateral pela esquerda pois vai levar o GASTON pra volância, que pode ser que lá ele consiga jogar, pois de lateral ele não tem nada.

    EU – já disse anteriormente -, ACREDITO que com mais algumas rodadas(5, 6) poderemos sentir de fato o que nos espera pra temporada.
    Bom nesse tempo é que estamos participando de uma competição que nos dá a condição de uma melhor preparação, e é nisso que deve ser o foco(preparação).
    A equipe foi TOTALMENTE REFORMULADA(era o que se pedia e esperava), E AGORA… é esperar e TORCER que a coisa engrene o mais rápido possível.
    Imaginar que a equipe vai se comportar da forma do primeiro jogo é no mínimo falta de noção.

    SOU MAIS LEÃO DE AÇO !!!!!

  3. Fortaleza 1 X 0 Guaraju. Podemos dizer que o Leão do Pici melhorou alguma coisa? ainda não mostrou nada, tem que melhorarmuito O Jorge Mota deve estar muito arrependido por desfazer todo elenco do ano passado, pra construir um novinho. Agora está pagando pela besteira que fez. nãovi no atual elenco ninguém melhor que o Everton, Lima, Wilians Simões, Daniel Sobralense, Pio, Juliano, etc. Ah mas, a torcida exigiu uma limpeza geral. Essa mesma torcida exigiu bons centroavantes nos anos anteriores e necas.
    Pois bem, trate logo, se Jorge de arrumar dois meias de qualidade, direito e esquerdo e principalmente homens que façam gols.
    Que tal o galeguinho, centroavante do Ferrim? Fica a dica…

  4. Venceu, mas não (me) convenceu. Levar sufoco do Ferrim e do Guaraju, que dirá dos dois próximos adversários, Ceará e Bahia. Espero que entre iguais as forças se equivalham, é o que prega o senso comum. Que o time esteja mais solto e mais entrosado, é o que dizem que falta. Porém, falta de entrosamento não é desculpa para falta de talento. O que é aquele pretenso atacante ou meia-atacante Juninho Potiguar? O “profissional” em 180 minutos de jogo ou quase (foi substituído ontem) não conseguir dar um único chute a gol, um passe correto, prosseguir com uma jogada, um mísero drible sequer, é o quê? Vou confessar que sou meio curioso e fuço mesmo a internet quanto o Fortaleza contrata ou tem interesse em um jogador. No facebook desse cidadão tá lá que desde julho ou agosto do ano passado ele vinha disputando jogos amadores e peladas lá na terra dele, o Rio Grande do Norte. Nada de exterior, a temporada que ele vinha disputando fora deve ter terminado no meio do ano passado, ou seja, pelo menos seis meses sem disputar uma partida oficial. Aí vem a Central de Inteligência do Fortaleza (?) dizer que prospectou este cara entre dois ou três mil outros “talentos”? Faz-me rir.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *