A lição dos degraus da escada

 

Escadas são objetos muito interessantes e possuem diversas simbologias diferentes, até mesmo simbologias sexuais sabia disso? Pela teoria da interpretação de sonhos de Sigmund Freud ele comprovou por exemplos clínicos que quem sonha subindo e descendo escadas, em muitos casos o seu real desejo é de ter um ato sexual! Já pensou? Eu acho as teorias freudianas muito interessantes e aplicáveis na nossa vida.

Mas uma das melhores simbologias que vejo nas escadas é sobre o processo do CRESCIMENTO HUMANO. Para que a gente evolua, é preciso subir degrau a degrau essa escada da vida! Farei uma breve reflexão sobre isso a partir de uma inspiradora frase atribuída a Thomas Huxley, que foi um biólogo britânico do século XIX. Veja só…

****************

“O degrau de uma escada não serve simplesmente para que alguém permaneça em cima dele, destina-se a sustentar o pé de um homem pelo tempo suficiente para que ele coloque o outro um pouco mais alto.”
Thomas Huxley

****************

É possível levantar diversas reflexões a partir dessas poucas palavras. Pense comigo! Quando estamos subindo alguma escada colocamos um pé enquanto vamos subindo o próximo para o degrau superior. Nesse processo fazemos um esforço para vencer a força da gravidade que nos empurra pra baixo.

Enquanto estamos levantando o pé, o degrau atual assegura que estejamos nele durante o tempo de subida para o próximo degrau. Na vida acontece a mesma coisa! Só é possível alcançar o degrau superior depois que tivermos vivenciado tudo aquilo que precisávamos vivenciar no degrau atual.

Essa elevação de degraus é a elevação da nossa consciência e da nossa própria maturidade na vida!

É mais ou menos assim, os primeiros degraus representam aquilo que vivenciamos na infância. Temos diversas experiências, mas aos poucos vai surgindo o desejo de ir além, de enxergar um pouco mais e tentar algo mais difícil.

Se permanecermos no mesmo degrau ficaremos estagnados pra sempre como crianças infantis e não poderemos ver além!

Mas nessa hora vem as dificuldades da vida que são representadas pela força da gravidade! Mas ao mesmo tempo percebemos o quanto vale a pena subir essas escadas. Veja que legal! Ao subirmos, a vista de longe vai ficando mais e mais bonita. Passamos a ver com muito mais detalhes os arredores. E não para por aí! Além disso tem também a nossa musculatura e condicionamento físico que vai sendo fortalecido na subida.

Esse fortalecimento dos músculos representa o nosso fortalecimento interno que vem a partir das vivências, dos sofrimentos superados, dos desafios vencidos etc.

E se levarmos essa simbologia mais além, pensando por exemplo na subida de uma montanha. Tem a dificuldade do ar rarefeito acrescentada!

Pense agora nos grandes montanhistas! Eles passam anos se preparando para subirem montanhas cada vez mais altas e íngremes. Eles fazem tudo isso pelo prazer de superarem a si mesmos! Enquanto eles estão se adaptando para subirem um pouco mais, eles permanecem no mesmo degrau onde estavam, para prepararem o corpo para uma dificuldade maior.

Percebe como é interessante a simbologia da escada para representar onde nós estamos agora e também a possibilidade de irmos além?

Nessa hora eu lhe questiono? Onde você está nessa escada evolutiva? Qual é o tamanho do seu desejo por subir esses degraus de consciência? Será que você não está a tempo demais parado no mesmo degrau da escada? Ou seja, talvez o comodismo esteja batendo forte na sua porta…

São tantas as reflexões e possibilidades…

Que você procure subir essas escadas para além das expectativas! Saiba que podemos subir para os graus mais elevados, vai depender da nossa vontade e da nossa preparação para melhorarmos o nosso condicionamento emocional e psicológico! Fortaleça sua mente e seu coração através do autoconhecimento! Assim, você conseguirá alcançar esses degraus mais elevados! Esse é o caminho que estou procurando trilhar e desejo o mesmo para você que me lê agora…

Paz e luz…

Isaias Costa

Sobre Isaias Costa

Isaias Costa. 28 anos. Sou Bacharel em Física e Mestre em Engenharia Mecânica. Descobri o meu amor pela escrita nas dificuldades que passei no meu caminho, aliado ao prazer de ler sobre Filosofia, Psicologia e Teologia. Este blog trata de assuntos em sua maioria filosóficos, com o objetivo de nos fazer pensar e se questionar sobre as grandes questões da vida. Também escrevo nos blogs "Para além do agora" e "Universo de Raul Seixas". www.paralemdoagora.wordpress.com www.universoderaulseixas.wordpress.com Sejam todos bem-vindos ao "Artesanato da mente"...

2 thoughts on “A lição dos degraus da escada

  1. Olá Isaias!

    Minhas congratulações pelo seu blog! O conheci a praticamente uma semana e venho lendo diariamente, todo o conteúdo, tema por tema, mês a mês, ano a ano!

    Devo-lhe agradecer por se dispôr a transmitir tanto conhecimento para a nossa melhora evolutiva. Isso é para poucos como você!

    Gostaria de uma sugestão, se possível, de nos indicar livros de grandes mestres aqui comentados. Poderia até ser um tópico exclusivo, para nos auxiliar cada vez mais no autoconhecimento junto ao seu blog!

    Mais uma vez meu muito obrigado e muito sucesso a você e toda sua família!
    Paz e luz!

    1. Fico muito feliz que esteja gostando dos textos Franklin! Eu procuro colocar aqui muito do que aprendi e continuo aprendendo de uma maneira bem simples e fácil de compreender.
      Muitos dos textos que escrevo dou sugestões de livros. Uma dica bacana que te dou é clicar na TAG “livros” do blog “Para além do agora”, onde estou concentrados todos os textos que já escrevi, inclusive os daqui! Lá eu citei os livros que mais me ajudaram a transformar minha vida. Mas faço questão de citar alguns deles aqui pra você e já ir adquirindo aos pouquinhos!
      * O poder do agora – Eckhart Tolle
      * Arrancar máscaras! Abandonar papéis! – John Powell
      * Uma ética para o novo milênio – Dalai Lama
      * A arte da felicidade – Dalai Lama
      * Autobiografia de um Iogue – Paramahansa Yogananda
      * Jornada para a autorrealização – Paramahansa Yogananda
      * Amor, liberdade e solitude – Osho
      * Alegria – Osho
      * Intimidade – Osho
      * O homem que amava as gaivotas – Osho
      * Ostra feliz não faz pérola – Rubem Alves
      * Variações sobre o prazer – Rubem Alves
      * Coleção Linguagem do Corpo – Vol 1,2 e 3 – Cristina Cairo
      * O sucesso é ser feliz – Roberto Shinyashiki
      * Qual é a tua obra? – Mario Sergio Cortella
      * No coração da vida – Jetsunma Tenzin Palmo
      * Você pode curar a sua vida – Louise Hay
      * O pequeno príncipe – Antoine de Saint Exúpery

      Esses são alguns dos melhores livros que já li e me trouxeram milhares de ensinamentos e insights. Anota e vai adquirindo e lendo aos poucos! Eles certamente lhe ajudarão nesse processo do autoconhecimento!
      Grande abraço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *