O dia em que Tudo Parece ter Acabado

Confira a meditação e oração do falecido papa João Paulo II sobre o Sábado Santo que celebra a descida de Jesus à mansão dos mortos.

Meditação

 Às vezes a vida se parece

com um longo e triste Sábado Santo.

Tudo parece ter acabado,

parece que triunfa o malvado,

parece que o mal é mais forte que o bem.

 

Mas a fé faz-nos ver mais longe,

faz-nos vislumbrar as luzes dum novo dia

 para além deste dia.

 A fé garante-nos que a última palavra

cabe a Deus: somente a Deus!

 

A fé é, na verdade, uma pequena lâmpada,

mas é a única lâmpada que ilumina a noite do mundo:

e a sua luz humilde funde-se

com as primeiras luzes do dia:

o dia de Cristo Ressuscitado.

 

Assim, a história não acaba no sepulcro,

antes, explode no sepulcro:

assim tinha prometido Jesus,assim aconteceu e acontecerá!

Oração

Senhor Jesus,

o Sábado Santo é o dia do vazio,

o dia do medo e da confusão,

o dia em que tudo parece ter acabado!

Mas o Sábado Santo não é o último dia:

o último dia é a Páscoa,

a Luz que se reacende

o Amor que vence todo o ódio.

      

Senhor Jesus,

quando está para consumar-se a nossa Sexta-feira Sant

que se repete a angústia de tantos Sábados Santos,

dá-nos a fé tenaz de Maria

 para crer na verdade da Páscoa;

 dá-nos o seu olhar cândido

para ver os clarões

que anunciam o último dia da história:

«um novo céu e uma nova terra»

 já iniciados em Ti,

 Jesus Crucificado e Ressuscitado. Amem!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *